Graneleiro traz intensa programação ao FIT Rio Preto

BATANGA & CIA.
BATANGA & CIA (foto: divulgação/FIT Rio Preto).

A programação do Graneleiro, ponto de encontro do Festival Internacional de Teatro de São José do Rio Preto-SP (FIT Rio Preto), retoma nesta quarta (10/7) e segue até o sábado (13/7), com shows, performances e intervenções artísticas de diversas linguagens. A entrada é gratuita.

Nesta quarta, a programação propõe uma imersão ao universo da cultura Hip Hop, o Fit Feat Hip Hop, com início às 22h. Uma das atrações é KL Jay, o DJ do grupo Racionais MC’s. Intervenções de graffiti, dança breaking e vogue, além de discotecagem com DJ Basim e a participação de MC’s estão na programação.

E a partir de quinta até o sábado, dia do encerramento do festival, o Graneleiro continua com intensa programação, proporcionando a troca de experiências entre artistas e público. Na quinta, um dos destaques é a banda Estação da Luz. A roda de samba Alma Sambista, com Tião Taufic e o grupo Mesa de Boteco, é uma das atrações da sexta (12/7). No sábado (13/7), entre as apresentações, está o show do grupo Batanga & Cia.

A programação do Graneleiro é para maiores de 18 anos. A entrada é gratuita e é preciso retirar ingressos na Bilheteria FIT no Complexo Swift a partir das 15h. Não é permitida a entrada de menores de 18 anos mesmo acompanhados dos pais ou responsáveis.

Ao todo, o Graneleiro receberá 26 atrações gratuitas em suas oito noites de funcionamento dentro desta edição do FIT Rio Preto. Confira abaixo a programação completa de quarta até o sábado.

FESTIVAL INTERNACIONAL DE TEATRO DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO – FIT RIO PRETO
De 4 a 13 de julho – São José do Rio Preto – SP/Brasil
Realização: Prefeitura Municipal de São José do Rio Preto e Sesc São Paulo
Programação completa no site: fitriopreto.com.br.

PROGRAMAÇÃO GRANELEIRO – QUARTA, 10, A SÁBADO, 13

DIA 10 -22h às 2h

FIT FEAT HIP HOP
Noite Hip Hop: MC – DJs- BBoys – Graffiti
São José do Rio Preto/SP

DJ KL JAY

DJ KL JAY (foto: divulgação).
DJ KL JAY (foto: divulgação).

Discotecagem
São Paulo/SP

O Fit Feat Hip Hop propõe uma imersão ao universo da cultura Hip Hop com sua expressividade nas cores dos graffitis, nos passos envolventes e contagiantes e ao som do melhor da música negra. Os graffiteiros Edson, Stan e Vanci farão sua arte ao vivo na recepção do Graneleiro. Os graffitis serão confeccionados com tinta spray flúor dando um toque diferente a esta importante arte urbana. A festa iniciará com o DJ Basim que foi considerado o 8º melhor DJ do mundo no Campeonato DMC Word em Londres em 2017 a frente de seus toca discos, instrumento este preservado pelos Djs de Hip Hop. A noite terá intervenções de dança Breaking com os dançarinos Buxexa, Lucas Leal (Lucs) e Raffa; a cena Ballroom com os dançarinos de vogue, João e Alex; o Freestyle Rap de Improviso com MC Pedro Improvisador; MC Ella e MC Ana Paula; e uma coreografia coletiva relembrando os passinhos dos anos 80. E para encerrar a noite entra em cena o DJ KL Jay, que é uma referência na cena Hip Hop mundial e fundador do grupo Racionais MCs. Ele promete fazer a festa ferver com seu set eletrizante que vai além dos limites do soul, R& B, rap e black alternativo.

tiquetaqui
Jef Telles
Videoinstalação
São José do Rio Preto/SP

DIA 11- 22h às 2h

NÃO TEM VÉU, NEM RÉU, TEM REVOLUÇÃO!

Manas no Coletivo
Exposição e intervenção
São José do Rio Preto/SP
Coletivo teatral formado exclusivamente por mulheres, que busca trazer à cena temáticas, estéticas e processos de criação pautados pela perspectiva feminina, o grupo rio-pretense Manas no Coletivo apresenta a exposição “Expostas”, que retrata o processo de criação de seu primeiro espetáculo, intitulado “Não tem Véu, nem Réu, tem Revolução!”. Por meio de intervenções artísticas em fotografias produzidas durante o processo de construção da peça, a exposição aborda a infâmia do feminino perante à sociedade. Quem assina a fotografia, intervenção artística e concepção é Elissa Pomponio. Durante a exposição, as atrizes Amine Boccardio, Carolina Campos, Fabiana Pezzotti e Lila Santiago, que integram o elenco do espetáculo, farão intervenções, apresentando cenas da obra.

DJ TAROBA
Discotecagem
São José do Rio Preto/SP
DJ Taroba apresenta no FIT Rio Preto 2019 o seu projeto Brasilidades, que celebra grandes compositores e intérpretes da música brasileira. De acordo com o dicionário, brasilidade quer dizer particularidade do que é ou de quem é brasileiro; sentimento de simpatia e amor pelo Brasil. E, com essa mesma pegada, surgiu o projeto. Com um formato de discotecagem 100% no vinil (LPS), Taroba reúne uma seleção de clássicos da música brasileira dos anos 70 e 80. Entre uma faixa e outra, muita black music para embalar os ouvidos dos apreciadores de lindas melodias e letras cheias de sentimento e reflexão. Com passagens artísticas no break, no rap e no reggae, Taroba possui uma seleção musical cheia de sensibilidade, animação e um bom gingado, como todo brasileiro.

ESTAÇÃO DA LUZ

Estacao da Luz (foto: divulgação).
Estacao da Luz (foto: divulgação).

Show
São José do Rio Preto/SP
Com grande influência do Rock Psicodélico de bandas nacionais dos anos 70, a banda tem forte participação de órgão e sintetizador, vozes que se revezam e efeitos sonoros especiais. Além da música, um visual bem característico dos anos 60 e 70. A Estação da Luz também desenvolve e interpreta seu trabalho autoral inspirado em grandes sucessos de Mutantes, Tutti-Frutti, Secos & Molhados, Novos Baianos, entre outros que representaram o Rock e a MPB dessa época. A banda tem Alberto Sabella na voz, piano, órgão e sintetizadores; Cristhiano Carvalho na voz, guitarra e flauta; Renata Ortunho na voz e percussão; Vagner Siqueira no contrabaixo e Junior Muelas na voz, percussão e bateria.

tiquetaqui
Jef Telles
Videoinstalação
São José do Rio Preto/SP

DIA 12 – 23h às 3h

DJ RICKA
Discotecagem
São José do Rio Preto/SP
O projeto Somdubom, de DJ Ricka, surgiu no ano de 2016 exclusivamente para o evento The Norious Ibe (Festival de Hip Hop que acontece na Holanda), com o intuito de levar a música brasileira principalmente de Rio Preto, para um festival europeu. O trabalho é desenvolvido com um par de toca discos, um software e discos de vinil. O apreço por ritmos nacionais vem da influência familiar e da Cultura Hip Hop, prezando pelos estilos do funk/soul brasileiro. Para o FIT Rio Preto 2019, o set será composto por pontos de umbanda, ritmos regionais nordestinos, passando pela guitarra eletrônica até chegar aos clássicos dos anos 80/90.

FINITAS CONTAGENS PARA INFINITAS VARIAÇÕES
Tales Frey
Performance
Porto/Portugal
Performance duracional fundamentada na noção de que a identidade não pode
ser apresentada como uma unidade fixa; ela está em constante construção, multiplicando-se sempre em identidades movediças, com as quais nos identificamos apenas temporariamente. A ação tem como referência o trabalho “Pose Work for Plinths” (1971) de Bruce McLean e culmina numa criação que relaciona a performance com a escultura, com a dança contemporânea e com o estilo musical noise. No espaço, vemos três bases – sobre as quais o performer executa poses incessantemente – um microfone, um pedal (looper) e um amplificador de som. Além das variadas poses, o performer realiza uma contagem em ordem crescente, com a sua voz ampliada, para cada uma das posturas ali erigidas, evitando repetições de composições corpóreas, variando timbres de vozes e impulsos nas suas ações corpóreas. Interfere e sofre influência dos estímulos instaurados externa e internamente. O looper é acionado logo no início da contagem, registrando gradativamente o emaranhado de números que se somam e que gradualmente tornam-se ruídos.

ALMA SAMBISTA

Alma Sambista - Mestre Boca.
Alma Sambista – Mestre Boca (foto Marcos Morelli – SMCS).

Roda de Samba
São José do Rio Preto/SP
Nesse show, o sambista Tião Taufic se une aos bambas do grupo Mesa de Boteco para cantar músicas do cancioneiro que estão gravadas na alma do povo brasileiro. O repertório é recheado de pérolas que vão desde Noel Rosa a Zeca Pagodinho, passando por Chico Buarque, Paulo César Pinheiro, Paulinho da Viola e Aldir Blanc. O show conta com a participação especial do trombonista Mauro Zacarias. O grupo Mesa de Boteco estará completo, unindo as duas formações que marcaram a vida boêmia de São José do Rio Preto: Menê Crosara(violão e voz), Mestre Boca (percussão e voz), Marco Mourão (percussão), Douglas Sendem (bateria e voz), Anderson Vianna (cavaquinho e voz), Du Martin (contrabaixo) e Mauro Zacarias (trombone e voz).

tiquetaqui
Jef Telles
Videoinstalação
São José do Rio Preto/SP

DIA 13 – 23h às 3h

DJ CLAUDIO GORAYEB
Discotecagem
São José do Rio Preto/SP
Para o FIT Rio Preto, DJ Gorayeb vai preparar prepara um repertório com hits
eletrônicos atuais, música brasileira, black music e um pouco de flashback. Iniciou sua carreira como DJ no início dos anos 80 na discoteca ETC, em São José do Rio Preto. De lá para cá, atuou em dezenas de casas noturnas que marcaram época na cidade e região. Atualmente, organiza eventos de flashback, além de atuar como DJ.

BATANGA & CIA

BATANGA & CIA.
BATANGA & CIA (foto: divulgação/FIT Rio Preto).

Show
São Paulo/SP
Batanga & Cia mostra que Cuba não é só bolero e salsa. A missão do grupo é trazer de volta à tona um dos ritmos da conceituada escola cubana, e que dá nome ao grupo, tirando proveito da cena cultural efervescente da cidade de São Paulo, e embalando-o em sonoridades brasileiras. Na Havana dos anos 1950, o batanga surgiu por meio de dois dos grandes nomes da época dourada da música cubana, Bebo Valdéz e Benny Moré. Agora, mais de meio século depois, a incontestável tradição da ilha ganha nova e deliciosa roupagem. No Batanga & Cia, o nome faz jus à percussão, marcada por influência africana de tambores bata, yia, itótele y okónkolo, que ganham a companhia de pandeiro e cuíca. Batanga & Cia é integrado por Pedro Bandera, percussão e direção geral; Hanser Ferrer, piano, percussão e direção musical; Claudia Rivera, flauta e piano; Fernando Ferrer Jr, sax; Ilker Ezaki, percussão; Alexis D Armas, percussão e Liander Lobo, baixo.

DJ VJ CATRAIA SYSTEM
Performance Show
Macapá/AP
O Catraia System, do Frêmito Teatro, é um projeto com DJ e VJ e tem sets inspirados nas festas de aparelhagem do norte do Brasil. Navegando pelos ritmos que habitam o percurso do Rio Amazonas, eles atracam nas cidades de Macapá, Belém, Parintins e Manaus. Nas ondas sonoras, o balanço de gêneros como brega, tecnobrega, carimbó, marabaixo, toada, guitarrada, zouk love, beiradão, cumbia e lambada.

tiquetaqui
Jef Telles
Videoinstalação
São José do Rio Preto/SP

Facebook Comments