CuriosidadesDescobertaDestaqueNoroeste PaulistaNotíciasSão José do Rio PretoSaúde

Cirurgia inédita; intestino de bebê é operado dentro da barriga da mãe

Cirurgia foi realizada no Interior de São Paulo.

Um procedimento cirúrgico nada habitual foi realizado no Hospital da Criança e Maternidade (HCM), localizado em São José do Rio Preto, cidade do Interior Paulista. Um bebê de 33 semanas foi operado ainda estando dentro da barriga mãe.

Maya e a mãe foram submetidas a um procedimento para reparar uma malformação congênita no intestino, o procedimento foi realizado na última segunda-feira (17).

Foi preciso a união de três médicos para que a cirurgia obtivesse sucesso, participaram: Denise Araújo Lapa, especializada em cirurgia fetal; Gregório Lorenzo, especializado em medicina fetal e o cirurgião Rodrigo Tadeu Russo Gonçalves, cada um representando a sua cidade, São Paulo( SP), Taubaté (SP) e Baia Blanca (Argentina).

Segundo informações do hospital, Maya sofria de gastrosquise, e, seu intestino ficava fora do abdômen, foi preciso realizar quatro pequenos cortes na barriga da mãe para que os instrumentos cirúrgicos chegassem até o útero para que a correção pudesse ser realizada.

A cirurgia foi um sucesso e os pais de Maya comemoram. De acordo com os médicos, a cirurgia diminui possíveis complicações que poderiam ocorrer no momento do parto e permite à criança poder amamentar normalmente após o nascimento.

Os pais ficaram aliviados em saber que quando Maya chegar ao mundo não precisará mais ficar internada, eles voltarão para a casa com a pequena nos braços.

Victor Guimarães, de 28 anos , pai do bebê, disse “Eu acho que a Maya já nasce muito abençoada por ter passado por uma cirurgia feita por profissionais totalmente qualificados. Mas ela é ainda mais abençoada por conseguir ajudar outras mães que agora podem optar pela cirurgia dentro do útero e conseguir segurar o filho da forma mais rápida”.

“Nós ficamos bem ‘baqueados’ quando descobrimos que ela possuía a malformação. Foi uma sensação de tristeza porque não esperávamos. Para falar a verdade, quando o médico me contou, eu não sabia o que era, só sabia que não era uma notícia boa”, disse Naiara Paula Galieta, 26 anos, mãe de Maya.

Com a cirurgia, o Brasil e São José do Rio Preto passam a ser referência e a médica, Dra. Denise, comemora: “O Brasil está em primeiro lugar. Fomos os pioneiros a fazer esse procedimento que há muito tempo estão tentando realizar. Nunca imaginei fazer algo assim. Um pesquisador com uma boa ideia e patrocinado faz coisas inexplicáveis no Brasil”, explica.

Facebook Comments

Back to top button
Close